15 49.0138 8.38624 1 0 4000 1 https://umasulamericana.com 300
theme-sticky-logo-alt
theme-logo-alt
Torres del Paine - Full day a partir de El Calafate

Full Day em Torres del Paine a partir de El Calafate, vale a pena?

Powered by Rock Convert

Um dos Parques Nacionais mais lindos da América do Sul, Torres del Paine possui paisagens cinematográficas de tirar o fôlego. Entre trekkings de vários dias e trilhas longas, há a possibilidade de fazer um passeio Full Day em Torres del Paine a partir de El Calafate.

Foi o que fiz em 2014, em uma viagem de 8 dias pela Patagônia, porque tinha um dia sobrando em El Calafate, na Argentina, e queria conhecer Torres del Paine, no sul do Chile.

Já aviso logo: voltei do full day em Torres del Paine com planos de voltar pra fazer um dos trekkings, conhecido como Circuito W.

Se você não tem tempo ou grana para passar dias dentro do Parque Torres del Paine para fazer os trekkings, existe a possibilidade de fazer passeios de apenas um dia. Mas vale a pena mesmo?

O Parque Nacional Torres del Paine

Torres del Paine é um dos principais destinos de viagem na Patagônia e atrai trilheiros, montanhistas e amantes da natureza do mundo todo.

Com grande preservação da vida selvagem e belezas quase intocadas, no Parque Nacional de Torres del Paine se encontra montanhas nevadas, lagos azuis, vales e até glaciares.

As cidades bases para quem vai à Torres Del Paine são: Punta Arenas (Chile), Puerto Natales (Chile), Río Galegos (Argentina) e El Calafate (Argentina), de onde parti para fazer o passeio  full day em Torres del Paine..

Full day em Torres del Paine - a partir de El Calafate 1Torres del Paine - Full day a partir de El Calafate

Mais de 2700 ofertas de hospedagem – Ajude a manter o blog reservando por aqui.

Full day em Torres del Paine a partir de El Calafate

El Calafate, na Argentina, fica há mais de 270 km de distância do Parque Nacional Torres del Paine, no Chile. Depois do Glaciar Perito Moreno, o full day em Torres del Paine é um dos passeios mais procurados na cidade.

A viagem de El Calafate a Torres del Paine começa bem cedo e dura 3 horas.

Desembarcamos na aduana argentina para carimbarmos a saída do país. Mais adiante paramos novamente para dar entrada no Chile. Você pode viajar usando apenas o RG.

ATENTO: Não é permitido entrar no Chile com alimentos frescos como frutas ou presunto cru, por exemplo.

Full day em Torres del Paine a partir de El Calafate

Full day em Torres del Paine a partir de El Calafate

Um guia vai explicando sobre os parque, falando sobre as rochas, locais de interesse e tudo mais. Depois de 3 horas de viagem, chegamos ao parque.

O Full day em Torres del Paine, que rola em um micro ônibus 4×4 adaptado, para em alguns dos mais lindos pontos do parque: Lago Nordenkjold, Salto Grande e Lago Pehoe.

O almoço acontece de frente pro Salto Grande e depois seguimos para fazer uma pequena trilha, de aproximadamente 1 hora ao redor do Rio Pingo, de onde se pode ver as formações chamadas de Cuenos del Paine.

Atrações do full day em Torres del Paine

Lago Sarmiento
Saltos del Río Paine
Cuernos del Paine – mirante superior
Porteria Laguna Amarga
Lago Nordenskjold
Mirante Salto Grande
Lago Pingo (com trilha)

Torres del Paine - Full day a partir de El Calafate

Torres del Paine - Full day a partir de El Calafate

Vale a pena fazer o full day em Torres del Paine?

Qualquer passeio naquele paraíso vale a pena, incluindo o passeio full day. Ainda bem que eu fiz.

Vi flamingos, guanacos, raposa, montanhas, lagos, rios… O cenário mais lindo da Patagônia em um passeio de um dia. Valeu as 6 horas dentro do transfer, com certeza!

Torres del Paine - Full day a partir de El CalafateTorres del Paine - Full day a partir de El Calafate

Quem faz o passeio ful day em Torres del Paine

Contratei o passeio de um dia em Torres del Paine a partir de El Calafate com a South Road. O passeio de chama Full Day Paine e custou ARS920.

A empresa fica na Av. Libertador 1215 , principal avenida de El Calafate. Reservas: reservas@southroad.com.ar.

UPDATE: preço atualizado por pessoa – USD122.

Torres del Paine - Full day a partir de El Calafate

Minha viagem a El Calafate

Viagem feita em 2014 com dólar a R$2,33 e pesos argentinos a R$4,15

Passeios

Minitrekking Perito Moreno
• Full day Torres del Paine

Gastos totais

ARS 2340
R$ 564
USD 241

Rotas

Ushuaia em avião
Buenos Aires em avião

Hospedagem

Amancay Hostel – USD 36 (quarto privado)

Salve esta imagem no Pinterest e leia o post mais tarde

[axathemes_single_image align=”center” img_size=”full” image=”17093″]
[axathemes_title title=”Ajude a rentabilizar o blog” description=”Usando os links abaixo, você me ajuda a rentabilizar o blog e não paga nada a mais por isso” align=”center”]
[axathemes_title title=”Assine a news” description=”Dicas, informações, roteiros e inspirações no seu email” align=”center”]
Nome
Email
Me identifico como
POST ANTERIOR
Câmbio paralelo em Buenos Aires
PRÓXIMO POST
Passeio de escuna em Paraty

37 Comentários

  • 18 de setembro de 2014 a 12:47
    Paulo Fernando da Silveira

    Parabéns Aline, pelos comentários. Bastante informação prática.

    RESPOSTA
  • 21 de setembro de 2014 a 16:36
    Cheila

    Aline, muito obrigada pelas informações!!! Vamos a El Calafate em outubro e com certeza faremos este passeio. O lugar parece lindo!!!! abraço

    RESPOSTA
    • 5 de fevereiro de 2015 a 23:12
      Ana Gabriella Alvarenga Ferreira

      Olá Cheila e Aline,
      Irei para El Calafate em outubro deste ano, gostaria de saber como é o clima na região esta época. Chove? É muito frio? E as trilhas em El Chalten vocês fizeram? Quais? Sabem me dizer o preço atualizado do ônibus para El Chalten e o full day em TDP?
      Obrigada.

      RESPOSTA
      • 6 de fevereiro de 2015 a 11:16

        Oi, Ana. Em Calafate o clima é menos gelado, mas não chega a ser calor. Os dias são mais longos que no inverno, mas mais curtos que o verão.
        O full day me custou ARS920+$25, mas isso foi em maio/2014. O valor atualizado não sei informar.
        Com El Chaten infelizmente não posso ajudar. Não cheguei a ir pra lá.

  • 21 de setembro de 2014 a 19:34
    Jeferson

    Parabéns pela viajem Aline.
    Eu e minha namorada iremos fazer um roteiro percorrendo grande parte da patagônia em janeiro e queremos ir ao parque. Eu irei ao parque através de Puerto Natales e também farei a opção do Full Day,
    Saberia me dizer se é necessário agendar com certa antecedência ou se consigo realizar a compra do passeio para o dia posterior?

    RESPOSTA
    • 21 de setembro de 2014 a 19:51

      Oi, Jeferson. De Puerto Natales não tenho certeza, mas se for como em El Calafate é ideal agenda antes. Eu consegui duas das três ultimas vagas dois dias antes e nem era alta temporada. Não sei qual é a empresa que faz a partir de PN, mas pode ser que você consiga até comprar pela internet. Boa sorte e volta pra contar como foi.

      RESPOSTA
  • 27 de outubro de 2014 a 14:19
    Daniel

    Aline,
    Estou indo a El Calafate e vou ficar três dias. Como tenho apenas dois dias completos, estou buscando a melhor opção em passeios. O trekking pelo Perito Moreno já é certeza. Minha dúvida está em exatamente no outro dia. Você sugere fazer a navegação pelas glaciares ou visitar Torres Del Paine? Meu receio quanto ao último é o tempo de viagem que é longo (aprox. 5 hrs, certo?), já que fecharei com uma empresa de turismo o ônibus. Nesse caso, como não ficarei hospedado no parque, ainda vale a pena ir e voltar de El Calafate a Torres Del Paine, ou você sugere realizar o safari nautico?
    Obrigado,
    Daniel

    RESPOSTA
    • 27 de outubro de 2014 a 15:34

      Oi, Daniel. Eu também só tinha dois dias em El Calafate. No primeiro fiz o trekking e no segundo optei por conhecer o parque TDP. A viagem durou cerca de 3h pra ir e 3h pra voltar e foi bem sossegado, porque nos dois trechos eu dormi (a gente acorda muito cedo pra ir).
      O parque é lindo demais e vale muito a pena. Algumas empresas levam mais tempo porque passam por outro lugar antes (não lembro agora qual), mas a South Road vai direto.
      Não fiz outro passeio de glaciar porque quis conhecer coisas diferentes na viagem, mas tudo depende da sua vontade.
      Se minha opinião for válida, vá sim a este passeio de um dia, porque o TDP é considerado um dos mais lindos da América do Sul.

      RESPOSTA
  • 27 de outubro de 2014 a 20:52
    Flavio

    Aline, parabéns pela viagem! Pretendo ir agora em novembro a El Calafate e quero muito fazer este passeio Full Day TDP. Pergunto se esse preço de ARS 920 era especial, de estudante ou algo assim ? Equivalia em maio/14 a cerca de USD 92. Recentemente fiz contato com a agência para deixar reservado e hoje custa USD 150 , bem mais caro! Desde já obrigado.

    RESPOSTA
    • 27 de outubro de 2014 a 21:19

      Nossa. Aumentou bem. É que maio é baixa e novembro é bem o início da alta temporada. Acho deve ser isso.

      RESPOSTA
    • 16 de novembro de 2014 a 20:11
      Alex

      Olá Flavio. Estou interessado em fazer o mesmo passeio. Você poderia me indicar a agência que fez contato. Os valores que estou encontrando estão bem acima de $150. Obrigado

      RESPOSTA
      • 27 de novembro de 2014 a 01:36
        Flavio

        Alex, fiz este passeio na semana passada, É maravilhoso! As “Torres del Paine” estavam meio encobertas, só vimos uma das três, mas outras montanhas igualmente lindas, os “Cuernos del Paine”, se mostraram por completo e nos deixaram encantados, cheios de vida! Adoraria pernoitar por lá, mas não dispunha de tempo. Assim como a Aline, fiz o passeio pela South Road, e foi muito bom. Preferi reservar em Calafate mesmo, assim que cheguei à cidade, e pude pagar com pesos argentinos (1300 por pessoa). Arrisquei muito pois quase não tinha vaga, e a espera já era de quase uma semana, pois novembro já é alta temporada. Reservar com antecedência estava custando USD 150, Na semana passada o câmbio oficial para dólar na Argentina estava em 8,52, e o paralelo em Calafate por volta de 11,50 a 12. Em outras cidades consegue-se até 13. Também existe uma outra empresa que faz este passeio para TDP, a Always Glacier. Ela usa ônibus grande normal (não é 4×4), leva mais gente, e acho que é mais barato, cerca de 1050 a 1100 por pessoa. Pelo que me disseram por lá, por não usar um 4×4 ela usa a estrada asfaltada que é 80km maior, por isso as viagens de ida e volta demoram mais. Sai mais cedo e volta mais tarde, se comparado à South Road. Ah, e não esqueça do ingresso no parque que é 18 mil pesos chilenos, que pode ser pago com algumas outras moedas também (acho que dólar, euro e peso argentino, não tenho certeza). Melhor confirmar antes com a empresa que vc escolher. Boa viagem!

      • 27 de novembro de 2014 a 13:32

        Boa, Flavio! Paguei a entrada em dólar – 25 à época.

      • 29 de novembro de 2014 a 15:26
        Alex

        Muito obrigado por tantas dicas Flávio. Vou fechar o mais breve possível.
        Um grande abraço.

  • 15 de novembro de 2014 a 01:00
    Gabriela

    Oi Aline. Que viagem maravilhosa que você fez, e muito obrigada pela paciência em relatar tudo com calma e muito bem explicado, você com certeza faz muitas pessoas sentirem-se mais aliviadas e seguras para fazer uma viagem assim. Se Deus quiser, em Janeiro estarei na Argentina, ainda estou programando a viagem, a entrada pela Argentina, cidades mais bonitas, e uma das minhas principais dúvidas, espero que possa me ajudar, são como estão as estradas para Ushuaia, bariloche, glaciar perito moreno e parque TDP, pois irei de carro. Se puder me ajudar agradeço muito.
    Parabéns pela sua viagem.
    Espero que venham muitas próximas para nós duas!
    Muito obrigada.
    Att, Gabriela.

    RESPOSTA
    • 15 de novembro de 2014 a 01:09

      Oi, Gabi! Obrigada pelo comentário. Fiquei super feliz. A gente fez tudo com os ônibus dos passeios, mas nos pareceu tudo OK. Nada de muitos balanços. Em TDP é mais terra batida, mas acho que vai ser tranquilo.
      Em Bariloche não me lembro, porque já faz um tempo, mas como é bem mais turística deve ser mais segura ainda.
      Muito boa viagem e volta aqui pra contar como foi.

      RESPOSTA
  • 11 de dezembro de 2014 a 03:06
    Petrônio

    Boa noite, Aline.

    Pretendo ir visitar a Patagônia em maio/2015, assim como você fez. A ideia é ficar uns dias em Puerto Natales e tentar fazer o Full Day no parque. Porém, nenhuma agência de lá, das que pesquisei, faz reservas antecipadas para maio, uma vez que o tempo é muito frio e as condições climáticas podem prejudicar o passeio na data programada. Gostaria de saber se maio é realmente inviável para se visitar TDP, mas é o único mês que tenho disponível e gostaria muito de aproveitar. Existem roteiros de um dia para trilhar uma das pernas do circuito W, da portaria laguna amarga até a base das torres, contudo só pode ser feito dependendo das condições climáticas. Terei uma semana para ficar na região. Então penso em fazer um dos passeios de um dia dentro do parque. Eu peço a gentileza de se possível contar como foi sua estadia sua percepção do clima na região tanto de El Calafate quanto de Torres del Paine. De repente, posso mudar o foco e visitar Perito Moreno ou Fazer alguma trilha em El Chalten. Estou muito indeciso quanto ao clima, pois passa pela minha cabeça a ideia que chegarei lá e tudo o que vou encontrar é chuva e frio, sem ter a chance de ver as paisagens devido ao mal tempo. Ficarei muito grato se puderes relatar. Abraço.

    RESPOSTA
    • 12 de dezembro de 2014 a 11:49

      Oi, Petrônio. Fui entre os dias 10 e 17, já na metade do mês. Realmente o clima é frio, mas não absurdo. À época eu também tinha medo, pois o minitrekking no Perito Moreno poderia não ocorrer, mas acompanhei pelo Facebook da empresa e vi que levou um mês desde minha visita para encerrarem a temporada. Em Torres del Paine o tempo é instável em qualquer época do ano pelo que li, mas claro que no inverno é mais gelado. No dia que fiz o passeio (16/05) acabei não vendo as torres, porque o dia estava meio encoberto, mas foi incrível de qualquer forma. Não choveu em nenhum dos dias que fiquei por lá. Pra esse full day a uma das pernas do W, não sei como funciona, mas pode ser que seja mais restrito mesmo, porque no Perito Moreno o trekking Big Ice parou mais cedo que sua versão mais fácil – Minitrekking. Bem, de qualquer forma, veja se não há possibilidade de você fazer o Perito Moreno e TDP, porque são lindos. Estar ali e não visitar o glaciar é uma pena. Boa sorte e volta aqui pra contar como foi.

      RESPOSTA
      • 16 de dezembro de 2014 a 03:02
        Petrônio

        Ok, Obrigado! Vou tentar fazer essa viagem com certeza. Valeu pelas dicas. Abraço.

  • 19 de fevereiro de 2015 a 11:47
    Cláudio Carneiro

    Bom dia, Aline! Nesse passeio que vc fez, soube de alguém que não voltou com vcs? Pq estou pensando em pegar o full day (pois chegam mto mais rápido em Torres del Paine) para me transportar até Torres. Do contrário eu teria que pegar um bus de El Calafate até Puerto Natales (que leva 6hs), chegar lá e pegar outro bus até Torres. Mas como o último é às 14:30 é grande a chance de não dar certo (e se der chegarei bem tarde no parque). Por isso penso em ir e ficar por lá hospedado nas trilhas por mais 5 dias.

    RESPOSTA
    • 19 de fevereiro de 2015 a 17:12

      Oi, Cláudio! Todo mundo que foi comigo no passeio voltou. Não ouvi nada sobre essa possibilidade, mas acredito que não tenha problema com isso.
      Te enviei o contato do Amancay Hostal pelo Mochileiros.com. Com certeza eles tem o contato da South Road e vão te ajudar. Boa sorte!

      RESPOSTA
  • 25 de fevereiro de 2015 a 22:02
    victor

    voce sabe se existe a possibilidade de fazer o passeio inverso, sair de puerto natales e ir para el calafate para fazer o minitrekking?

    RESPOSTA
    • 26 de fevereiro de 2015 a 11:23

      Oi, Victor. Nunca vi, mas certamente tem. Você quer fazer um full day? São quase 4 horas de viagem, então é possível. Se não houver empresas que fazem isso, você pode pensar em ir num dia a noite e voltar na noite seguinte por conta própria.

      RESPOSTA
  • […] fiz um passeio Full day (confira aqui) visitei apenas uma parte do parque, mas que foi suficiente para nunca mais esquecer cada […]

    RESPOSTA
  • […] passeios muito distantes e de difícil acesso, como o Minitrekking no Glaciar Perito Moreno ou o Full Day a Torres del Paine, por […]

    RESPOSTA
  • 2 de setembro de 2016 a 13:51

    Sabe que eu tive a experiência de fazer os dois… a minha primeira vez na Patagônia fiz esse bate e volta (por uma total falta de tempo mesmo) e ano passado voltei pra fazer o W…

    O tour não mostra quase nada do que é a beleza do parque, coisa que só no *sofrimento* das caminhadas a gente consegue ver. Mas é sim uma ótima pedida pra quem tem algum problema de mobilidade ou mesmo tá com o tempo curto. E pra mim, o tour só me deixou com mais vontade de voltar pra fazer o W (e depois do W, tô na vontade de voltar pro O, hahaha)

    Beijo! Ótimo post! 🙂

    RESPOSTA
    • 5 de setembro de 2016 a 10:27

      Camila, também tô com o W planejado, porque sei que deixei de ver muito da beleza de TDP. Eu li seu relato de perrengues hahahahaha

      RESPOSTA
      • 6 de setembro de 2016 a 14:58
        camila620

        O que seria da Patagônia sem os perrengues, né? hahahaha… sem chuva nem ter graça =P

  • 19 de junho de 2017 a 20:19
    Carla

    Olá, Aline. O passeio que vc descreve no post, incluiu passar pelas torres que vc disse não ter conseguido ver devido ao tempo nublado, ou não está incluso?

    RESPOSTA
    • 19 de junho de 2017 a 21:01

      Oi, Carla. Inclui, sim. Nosso carro passou umas três vezes em frente (ou costas, não sei dizer) só pra tentar a sorte, mas nada!

      RESPOSTA
  • […] minitrekking no Perito Moreno no primeiro dia. Foi lindo demais! Até chorei. No segundo dia fiz o bate e volta a Torres del Paine e me apaixonei pelo […]

    RESPOSTA
  • 27 de setembro de 2017 a 15:40
    Michele

    Ola. Vcs sabe me dizer se esses overlands sao confortaveis? Pois a ideia é ir com meu filho de 2 anos e meio. Na maior parte do tempo ele estara dormindo. As poltronas reclinam? Obrigada.

    RESPOSTA
    • 27 de setembro de 2017 a 16:02

      Olá. Olha, não me lembro de reclina, mas confortável não é muito, não. É como um ônibus. Mas se seu filho é dessas crianças que dormem em qualquer canto, vai na fé!

      RESPOSTA
1 2

Deixe uma resposta