Caribe colombiano acessível – Santa Marta, Taganga e Tayrona

Quando se planeja conhecer o caribe logo vem à cabeça destinos como Cancun, Aruba, Punta Cana, Los Roques, Isla Marguerita, entre outras praias incríveis e caras.

Na Colômbia o destino de todo sonhador do Caribe é a ilha de San Andrés, tão cara quanto suas companheiras citadas acima, de acesso restrito a voos.

Mas existem praias caribenhas acessíveis, com opções baratas de hospedagem, com preços baixos nos passeios e facilidade para chegar, como Santa Marta e seus arredores.

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

Para começar, preciso te desiludir: não espere dessas praias, em geral, o visual daquelas fotos de agência de viagem. A maioria das praias que vou citar no texto não possuem essa característica, mas em compensação aliam esse visual à história e a uma civilização pré-hispânica.

Santa Marta

Mais ao norte de Cartagena e Barranquilla está a cidade de Santa Marta, grande e desorganizada. Em compensação, há inúmeras praias para quem busca mar do Caribe acessível.

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

 

 

As praias são lindas, mar azul, sem onda e de água morna. O problema é que na Colômbia ainda não há programas e campanhas de conscientização da limpeza das praias (e isso até em San Andrés, segundo me disseram), por isso aos finais de semana a água e a areia estão cheias de lixo.

Durante a semana consegui pegar praia limpa, que não é paradisíaca, já que está na cidade (como Rio de Janeiro). Há porto, barulho de transito e prédios, mas é uma opção para conhecer o Caribe sem gastar fortunas e a partir de Santa Marta é possível conhecer praias lindíssimas.

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

A hospedagem custa a partir de 20 mil colombianos (R$30) por pessoa em quartos compartilhados em hostels com piscina (como o North Bay, melhor hostel que já estive), até 140 mil (R$290) por casal em uma espécie de apart-hotel. Tudo perto da praia e antes da alta temporada. Entre dezembro e fevereiro esses valores não devem passar de 35 mil e 200 mil.

Como pagar barato em hospedagem

Reserve pelo Booking. Você não paga nada a mais por isso e ajuda a manter o blog

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

Praias próximas de Santa Marta

Rodadero – é uma praia distante 30 minutos ao sul em ônibus de linha da cidade. Possui água mais limpa e quente, mas não azul. É uma das mais cheias e possui muita opção de hospedagem perto da praia.

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

Taganga – uma das principais de Santa Marta. Taganga na verdade é uma vila de pescadores, escondida por montanhas, mas ganhou os corações dos turistas por seu visual paradisíaco. As águas mesclam o azul e o verde, refletidos pelo céu e pela mata que cerca a praia. De Santa Marta são 30 minutos em ônibus público. Possui opções de hospedagens bem mais baratas que Santa Marta, mas que não possuem a mesma infraestrutura. Um quarto privado com ar-condicionado pode custar a partir de 30 mil a diária (R$45).

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

Playa Grande – Ao lado de Taganga há um pedacinho de paraíso escondido. A Playa Grande, que é na verdade pequena, está escondida entre as montanhas também. Com águas claras e azuis, a praia é mais cheia aos finais de semana e pode ser alcançada de barco desde Santa Marta e Taganga ou por trilha a partir de Taganga. Há uma opção de hospedagem ali e alguns restaurantes. O problema é encontrar um espacinho de areia na alta temporada, porque a margem está cheia de cadeiras em baixo de sombrinhas. Todas pagas, claro!

Ganhe 5% de desconto com o código promocional SULAMERICANA5. Você paga menos e ajuda a manter o blog

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

Praias do Parque Tayrona – quando estive na região o parque estava fechado para limpeza espiritual do povo Tayrona, que ainda vive ali. O parque possui um visual incrível, misturando praias paradisíacas à Serra Nevada, um pedaço de montanha de pico nevado. Esse contraste ganha mais fama quando se adiciona a possibilidade de conhecer a cidade perdida dos Tayrona. As praias do parque são controladas e o acesso é pago (cerca de 30 mil colombianos para gringos – R$45), por isso são limpas, conservadas e exóticas. Para conhece-las é preciso fazer trilhas. Você pode passar a noite lá, dormindo em acampamentos com sua barraca ou nas tendas disponíveis. O acesso também se dá de ônibus público a partir de Santa Marta ou de barco desde Taganga.

Foto: I miei viaggi in un click (Via @Colombia.TravelEspanol)

Outras praias – seguindo a trilha pelas montanhas depois da Playa Grande é possível encontrar pequenos paraísos quase desertos atrás das montanhas. Não me recordo os nomes das praias, mas são lindas e não muito procuradas pelos turistas, já que apenas barcos locais e não comerciais alcançam as praias.

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona

É isso! Se você está a fim de conhecer o Caribe, mas está sem grana, essas praias podem ser uma boa opção. Desde a badalação de Santa Marta com sua noite agitada ao ecoturismo exótico do Parque Tayrona, sua viagem vai ser linda e deliciosa no norte da Colômbia.


Viaje com descontos e vantagens

Compre e reserve pelos links do blog

Anúncios

Um comentário sobre “Caribe colombiano acessível – Santa Marta, Taganga e Tayrona

  1. Pingback: Seis tipos de viagens pela América do Sul | Uma Sul Americana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s