Cafayate, noroeste argentino

Salta e Jujuy – Tudo sobre o Norte e Noroeste da Argentina

Salta e Jujuy quase nunca estão nos roteiros de viagem pela América do Sul, porque quando o assunto é viajar para Argentina, todo mundo pensa em: Patagônia, Buenos Aires e Mendonça.

Acontece que o mapa da Argentina é extenso e sua diversidade é do tamanho do seu território.

Enquanto no Sul as belezas são geladas e úmidas, no NOA (como é chamada a região norte e noroeste do país), a altitude, os montes coloridos e o clima semiárido apresentam outra face argentina.

Passeios em Salta – Cafayate e Quebrada de las Conchas no Noroeste da Argentina (NOA)

Jujuy e Salta – Porque visitar a região norte e noroeste da Argentina

Não se foram as manhãs ensoladas, o silêncio da tarde durante a siesta ou os ventos gelados do fim da tarde. Só sei que me apaixonei perdidamente pelo NOA, região norte e noroeste da Argentina.

O clima árido, o sol escaldante, as paisagens extremamente lindas e a proximidade com regiões de interesse turístico são só alguns dos motivos que fazem o NOA ser uma das minhas regiões preferidas.

Se você tá buscando um destino para as suas próximas férias, leia esse artigo e veja o porquê escolher o norte e noroeste argentino.

Pucara, Tilcara
Sítio arqueológico Pucara, em Tilcara
Purmamarca, como chegar por conta

Como visitar Purmamarca e o Cerro de los Siete Colores por conta

Há muitos anos atrás assisti no Globo Repórter uma matéria sobre uma montanha colorida numa cidadezinha remota na Argentina. Não guardei o nome da cidade, nem da montanha, nem nada. Mas uns anos depois, me recordei de Purmamarca quando li uma matéria em algum blog de viagem.

Purmamarca é um pequeno povoado localizado na Quebrada de Humahuaca, no norte da Argentina, e é lá que está o Cerro de Los Siete Colores, a atração mais conhecida e desejada na região.

Visitamos a montanha colorida e a cidade em um sábado por conta, a partir de Salta. Conto nesse post como fizemos, quanto gastamos e se valeu a pena.