15 49.0138 8.38624 1 0 4000 1 https://umasulamericana.com 300
theme-sticky-logo-alt
theme-logo-alt

Como tirar o Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela

Powered by Rock Convert

Para ingressar ou sair de algumas regiões é necessário ter tomado a vacina contra febre amarela, além de tirar o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP).

Alguns dos países pra onde quero ir exigem o documento e acabei de tirar o meu. Nesse post conto como fiz para tomar a vacina e como tirei o CIVP.

Como tirar o Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela | Uma Sul-Americana

Na América do Sul, os países que exigem essa vacinação são: Bolívia, Peru, Colômbia, Brasil, Equador, Guiana, Guiana Francesa, Suriname e Paraguai.

Acre, Amazonas, Amapá, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins são os estados brasileiros que pedem a vacina.

Ouvi relatos que nem sempre pedem o documento na alfândega, mas é obrigatória a vacina para quem não quer ficar doente.

A lista com todos os países que exigem o certificado está aqui.

Ganhe 5% de desconto usando o código promocional SULAMERICANA5

Primeiro passo – Tomar a vacina

Em todos os postos das UBS você pode tomar a vacina contra febre amarela. Eu tomei em um posto de saúde onde não era necessário apresentar o cartão do SUS. Apresentei meu RG e a moça que aplicou a injeção me deu um cartão para comprovar a vacinação.

Não é necessário agendar, nem pagar nada. A vacina é aplicada de segunda a sexta no horário de funcionamento da UBS.

E pra quem tem aversão à injeção, como eu, é só uma picadinha de leve e um incômodo quando o liquido entra na veia. Bem sossegado.

Atenção: a vacina deve ser tomada, no mínimo, 10 dias antes da viagem. Sua validade é de 10 anos.

Cupom desconto worldpackers 10 dólaresPowered by Rock Convert

Segundo passo – Tirar o CIVP

Como tirar o Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela | Uma Sul-Americana

Para tirar o Certificado Internacional você precisa se cadastrar no site  e depois comparecer em um dos Centros de Orientação para a Saúde do Viajante da ANVISA. É só levar consigo um documento com foto e o comprovante da vacina.

É gratuito também. O horário de funcionamento depende do centro que você escolher, mas todos são de segunda a sexta (exceto feriados).

Eu tirei o meu no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Lá há um posto da ANVISA na Ala Sul, bem no final do corredor, que funciona das 8h às 17h.

Eu não havia feito o cadastro no site, porque não sabia que precisava, mas lá mesmo há dois computadores para que os viajantes façam na hora.

Foi bem rápido. Em menos de 15 minutos, incluindo o cadastro, eu já estava com meu CIVP em mãos.

Veja a lista de endereços dos centros para tirar o Certificado Internacional de Vacinação em todos os estados.

Algumas pessoas podem ser isentas da vacinação em caso de contraindicação médica. Se for o seu caso, siga as instruções da ANVISA.

UPDATE:

Desde julho de 2016 a vacina é válida para toda a vida. Leia aqui.


Viaje com descontos e vantagens

Compre e reserve pelos links do blog

POST ANTERIOR
Viajando com o RG pela América do Sul
PRÓXIMO POST
Golpe de taxistas em Buenos Aires

7 Comentários

  • […] que não seja uma exigência, tome a vacina se for recomendada. Melhor que ficar doente. Confira aqui como tomar a vacina contra febre amarela (e para quais países é […]

    RESPOSTA
  • 25 de agosto de 2015 a 15:53
    Regiane

    Sera que posso tomar a vacina em Ms e pegar o certificado na Anvisa em Sao Paulo,obrigada.

    RESPOSTA
    • 25 de agosto de 2015 a 19:33

      Com certeza, Regiane. Ao tomar a vacina, você recebe um comprovante. É só apresentar em qualquer posto da ANVISA. Bjs

      RESPOSTA
  • […] vacina contra febre amarela (que pode ser tomada até 10 dias antes da entrada do país de destino (leia mais), mandamos a Parati para um mecânico e começamos a pesquisar os valores que poderíamos cobrar […]

    RESPOSTA
  • […] aqui como tomar a vacina gratuitamente e tirar o certificado internacional. Veja também a lista de […]

    RESPOSTA
  • […] Comprovante de vacina contra febre amarela e cartão internacional […]

    RESPOSTA
  • 19 de agosto de 2018 a 13:33

    Eu recebi a vacina da febre amarela em 2007 e no site da ANvisa não existe nenhuma informação. Na verdade o Brasil não tem competência para gerir esse tipo de informações e exigem tanta burocracia, mas não conseguem nem ter um cadastro de vacinação competente. Visto que tomei todas as vacinas nas UBS de São Paulo, inclusive a vacina de Febre Amarela tomei no departamento no Aeroporto. Então se você quer saber tem que ir nas UBS e exigir que seja cadastrado no sistema. Acho isso uma incopetência generalizada em nosso País e depois reclamam de corrupção.

    RESPOSTA

Deixe uma resposta