15 49.0138 8.38624 1 0 4000 1 https://umasulamericana.com 300 1
theme-sticky-logo-alt
theme-logo-alt
Variações do espanhol falado em diferentes países da América Latina

Variações do espanhol nos países da América Latina

canal de viagens no youtubePowered by Rock Convert

Se você está aprendendo espanhol, provavelmente já sabe que o espanhol falado na Espanha é diferente do espanhol latino e que existem muitas variações do espanhol na América Latina.

E não é apenas o sotaque. A diferença do espanhol falado nos países latinos abrange também o vocabulário, pois algumas palavras têm significados diferentes ou não existem em outros países. Além disso, cada país possui suas gírias e regionalismos.

Aprender espanhol na prática viajando foi uma das coisas mais legais que vivi, porque me deu a oportunidade de perceber as diferentes variações do espanhol falado na América Latina. Entenda porque neste artigo.

Espanhol-latino é diferente do espanhol-europeu

Não é novidade, mas vale mencionar que a Espanha invadiu e colonizou a maior parte dos países do continente americano no século XVI, extinguindo centenas de línguas originárias dos povos que aqui viviam, por isso o espanhol é o idioma oficial em diversos países americanos.

O espanhol-latino é diferente do espanhol-europeu porque, com o passar dos anos, especialmente depois da vitória dos países latinos nas guerras de independência, o idioma espanhol passou por adaptações e ganhou variações.

Por isso, o espanhol falado na América Latina é diferente do falado na Europa, sendo assim chamado de espanhol-latino.

Quais são variações do espanhol na América Latina

Essas adaptações que o idioma ganhou ao longo dos séculos nos apresenta agora 18+1* variações do espanhol na América Latina, porque cada país espano-falante possui sua variação.

Vale ainda mencionar que cada país possui ainda sub-variações, assim como o português brasileiro em todo o seu território.

A variação linguística do espanhol se dá por causa de influencias das línguas dos povos originários, como o quéchua, guarani, mapuche, aimará e náuatle, por exemplo. Mas também sofrem influência de línguas de matriz africana por conta do trafico negreiro para fins de escravidão.

Outro fator que influencia as variações do espanhol são os países de fronteira, por isso o espanhol-latino apresenta palavras derivadas do português e inglês.

*Porto Rico não é considerado um país, mesmo assim pode ser incluído na lista.

Qual é o melhor espanhol pra aprender

Equivocadamente te dirão que o melhor espanhol pra aprender é aquele compreendido como o mais neutro, mas a verdade é que esse conceito de neutralidade não existe quando falamos em idiomas. Como você viu, em toda a América Latina existem variações linguísticas do espanhol e escolher o espanhol mais fácil vai depender de alguns fatores:

  • Presença de gírias na fala informal
  • Sonoridade das letras e fonemas
  • Alteração de significados de palavras comuns
  • Entonação de voz de seus nativos

Assim, sabemos que o Chile possui o espanhol mais difícil de aprender e compreender em toda a América, porque chilenos subtraem letras, possuem muitas gírias e falam bastante rápido.

O castelhano falado na Argentina e Uruguai também pode resultar um pouco mais difícil, porque os fonemas são os mais diferentes entre os países hispano-falantes. Por exemplo, o duplo L tem som de ‘X’, assim como o ‘Y’. Além disso, o espanhol argentino é carregado de gírias e palavras com outros sentidos, como ‘coger‘, que significa ‘pegar’ de modo geral, mas na Argentina significa ‘transar’.

Entre as variações de espanhol mais fáceis de aprender por sua mais fácil compreensão por parte de brasileiros estão o espanhol peruano, mexicano e equatoriano, porque as entonação é clara, as palavras são ditas completamente ou possuem um pouco menos gírias – não no caso do México.

Mas é preciso levar em consideração que nesses países existem muita influencia de idiomas ameríndios, ou seja, idiomas nativos americanos falados desde antes da colonização europeia.

O espanhol da Bolívia, por exemplo, é muito claro e objetivo, mas a entonação costuma ser um pouco baixa. Bolivianos costumam ser um povo um pouco mais fechado, falam mais baixo e não projetam a voz de forma que possamos compreender por completo, assim dificultando o aprendizado do espanhol.

Aprendendo as variações do espanhol na prática

Eu aprendi espanhol viajando e meu primeiro contato com o idioma foi na Argentina, por isso meu sotaque acabou sendo primordialmente portenho. Mas como sou mochileira e há mais de 10 anos viajo os países da América Latina, meu espanhol tem influencia do Chile e outros países, como Peru e Equador, por exemplo.

Veja neste artigo como aprender espanhol sozinha e de graça, colocando em prática os 7 passos de aprendizagem.

10 Palavra com significados diferentes na América Latina

1. Torta e seus significados

Ao viajar, se você pedir uma ‘torta‘ no restaurante, terá algo completamente diferente dependendo do país no qual está.

Na Argentina, por exemplo, provavelmente vão trazer um bolo. Já no México, porém, te servirão um pão salgado recheado.

2. Chucha nas variações do espanhol

Na Colômbia, a palavra “chucha” é usada para descrever o mau cheiro das axilas. Por outro lado, a mesma palavra na Argentina se refere ao órgão genital externo feminino, e é usado de maneira semelhante como insulto em vários países da América Latina. No Chile, por exemplo, a frase “está a la chucha” é usada para dizer que algo está muito longe.

3. Culo pode significar muito mais que bunda

Na maioria dos países hispano-falantes, ‘culo‘ é como se diz ‘bunda’, mas é bom saber que existem outras formas de usar essa palavra.

Cupom desconto worldpackers - UMASULAMERICANA código promocionalPowered by Rock Convert

Na Argentina dizem que ‘tienes buen culo’ com significado de ‘você tem sorte’, ou seja, algo parecido com ‘nasceu com o cu virado pra Lua’.

Já na Colombia usam a palavra pra dizer o quanto algo é bonito, mas também pra dizer que algo estava muito fácil.

No México, por exemplo, se alguém te disser que ‘eres un culo’, estão dizendo que voce é medrosa, algo como ‘cuzona’. E, enfim, no Peru, ‘si te quieren un culo’ é que gostam muito de você.

4. Banqueta nas variações do espanhol

Se você usar a palavra “banqueta” no México ou na Guatemala, as pessoas entenderão que você está falando de calçada. Na maioria dos outros países, “banqueta” se refere a um assento, tipo banquinho. Enquanto “calçada” é usada a palavra ‘acera’ ou ‘vereda’ dependendo do país.

5. Coche e seus diferentes significados

Na Espanha, ‘coche‘ quer dizer ‘carro’. Por outro lado, na Guatemala, “coche” é uma gíria que substitui a palavra “porco”, e no Chile, também pode ser usado para se referir a um carrinho de bebê.

A propósito, existem diferentes maneiras de mencionar um carro em diferentes variações da língua espanhola. No México, na Colômbia e na Venezuela, por exemplo, se diz “carro” – claro, com sotaque espanhol. Enquanto na Argentina, Chile, Uruguai e Peru usam “auto“.

6. Chucho e suas curiosas variações no espanhol latino

Na maioria dos países hispano-falantes, ‘chucho‘ é uma palavra usada pra se referir a um cachorro, especialmente aos vira-latas.

Por outro lado, em alguns países ‘chucho’ pode significar tem “tremor”, “sobressalto” ou “arrepio” produzido por febre ou por medo.

Na América Central, “chucho” significa “malvado” ou “mesquinho”, e também pode ser usado para se referir a um criminoso ou pessoa não confiável.

Em algumas variações do espanhol, a palavra também é uma gíria que substitui “porro“, ou seja, o cigarro de maconha.

“Chucho” também significa “frio” na Argentina; “prisão” no Chile; e no México, refere-se a uma pessoa inteligente e competente.

7. Guagua no Caribe

Guagua‘ é uma gíria pra se referir a uma criança pequena. No entanto, no Caribe, os ônibus com rota fixa também são chamados de “guaguas”.

8. Rato e seus significados que podem te atrasar

Rato“, diferente do seu significado em português, significa um espaço de tempo indefinido, embora geralmente curto.

Apesar disso, a palavra é usada de maneira diferente dependendo do país, como no México, por exemplo, que significa um período de tempo muito mais curto (um instante). O curioso é que na Espanha é um tempo mais longo.

9. Mona possui significados adicionais

Mona” significa macaca em espanhol. Esta palavra, no entanto, tem significados adicionais nos diferentes países latinos de língua espanhola.

Por exemplo, na Colômbia, uma pessoa que é loira ou branca pode ser chamada de ‘mona‘. E na Venezuela esta palavra é usada pra se referir a meninas metidas ou arrogantes.

10. Buzo, além do mergulho

Na tradução oficial, ‘buzo‘ é aquele que fica submerso na água respirando através de equipamentos, ou seja, um mergulhador. No entanto, a palavra “buzo” tem outros significados.

Na Argentina, por exemplo, ‘buzo‘ também é um moletom; no Chile e na Costa Rica, calças esportivas; e na Guatemala, enfim, essa palavra é usada para se referir a alguém que é muito bom em fazer algo específico.

Palavras diferentes nas variações do espanhol

Eu aprendi grande parte do meu espanhol na Argentina e Chile, por isso aprendi que morango é frutilla. Pois quando cheguei ao Peru e fui comprar uma bala vi que o sabor fresa trazia o desenho de um morango e minha cabeça bugou.

Até então eu não sabia que existiam diferenças nas palavras em espanhol. Pois é, nos países espano-falantes há uma notável variação linguística para comidas, roupas, objetos e etc.

Olha só esses vídeos do Sergi Martin, um professor de espanhol que compartilha lições incríveis no Youtube.

E este vídeo do Juanes Velez também mostra como existem variações no espanhol falado em países da América Latina.

Palavras com variações nos países da América Latina e Espanha

Como se diz Pipoca nos países da América Latina e Espanha.

EspanhaPalomita
ArgentinaPochoclo
ChileCabrita
ColômbiaMaizenas
VenezuelaCotufa
PeruCanchita
BolíviaPipoca
Paraguai e UruguaiPororó
CubaRositas
EquadorCangu
Costa RicaPalomitas 
MéxicoCrispetas
GuatemalaPoporopo

Como se diz carro em espanhol

EspanhaCoche
América do SulAuto ou carro

Como se pronuncia calçaca em espanhol nas variantes dos países.

EspanhaAcera
ArgentinaVereda
Diversos países na América do SulPeatonal

Como se diz caneta em espanhol em diferentes países.

EspanhaBolígrafo ou apenas boli
ArgentinaLapisera
ColômbiaEsfero

Como se diz ônibus em espanhol em diferentes países.

EspanhaAutobús
ArgentinaColectivo
ColômbiaBus
Diversos países na América do SulAlém de todos acima, ómnibus

Como se diz computador em espanhol em diferentes países.

EspanhaOrdenador
Diversos países na América do SulComputadora

Como se diz doce de leite nas variações do espanhol em diferentes países latinos.

Argentina, Uruguai e VenezuelaDulce de leche
Chile e BolíviaCajeta
ColômbiaManjar (arequipe em Bogotá)

*As variações postadas aqui no blog foram pesquisadas em livros e blogs de língua espanhola. Assim, pode sofrer ainda sub variações dentro de um único país. Se você encontrou um erro ou acha que poderia acrescentar alguma palavra, por exemplo, deixe aqui nos comentários 😉


Salve esta imagem no Pinterest para consultar o post quando quiser

Variações do espanhol falado na América Latina - Diferenças do espanhol da Espanha
POST ANTERIOR
Viajar como a arte de sulear-se: Nosso Norte é o Sul e a América Invertida

0 Deixe teu comentário

    Deixe uma resposta