Pé no Mapa – Passos de Máncora à Guayaquil e Baños

58º dia

Estávamos dormindo quando o ônibus parou para os tramites nas duas aduanas. Era 1h da manhã. A fila tava enorme e haviam poucos funcionários da imigração.

Foram duas horas de fila e espera. Nunca ficamos tanto tempo assim numa aduana. Sempre demora 20 minutos, 30 minutos. Foi cansativo e estressante.

Finalmente poderíamos dormir!O que fazer em Baños e informações turísticas

Um pouco antes das 8h chegamos à rodoviária de Guayaquil. Um shooping! Ainda não sabíamos se ficaríamos lá ou se seguiríamos à Baños.

Como me perdi na rodoviária e como não tava a fim de cidade grande, partimos para Baños. Nosso ônibus saiu às 9h e chegamos a Baños às 16h.

Outra vida chegar em cidade pequena. Do terminal, caminhando, dava 10 minutos até o centro de informações turísticas. Lá pegamos um mapa e instruções para os passeios que queríamos.

Procuramos uma hospedagem barata. Tudo estava USD6 por pessoa, mas queríamos pagar USD5, porque os USD2 daria R$8 de diferença por dia. Conseguimos esse preço no Hostal Angelly em quarto privado com banheiro compartilhado. Tinha cozinha!

Nesse dia caminhamos e conhecemos a cidade. Tudo muito organizado. Fomos ao supermercado e compramos itens para o jantar e para o café da manhã.

59º dia

Saíamos cedo para ir à Casa da árvore e ao Balanço do Fim do Mundo. Chegamos lá em cima 12h.

Todo mundo lá virou criança. Balançamos, corremos… O ônibus desceu de volta à Baños às 13h, mas a gente ficou. O espaço estava mais vazio e pudermos curtir muito mais.

Fiquei super feliz, porque isso era uma das coisas que mais queria fazer na viagem

Umas 14h30 começamos a descer a pé, mas o Rodrigo pediu carona e adiantou nosso lado. Economizamos uma hora de caminhada.

Descemos e andamos pela cidade mais uma vez. Nisso encontramos um rapaz que já havia nos oferecido um passeio por 6 quedas d’água por USD6, mas a gente não poderia gastar mais.

Eu falei que queria ver só a Pailon del diablo e ele me explicou como fazer para ir até lá de ônibus. Que fofo!

60º dia

Fomos à Pailon del diablo pela manhã. É uma queda bem forte, mas o mais legal é a escadaria que há ali. Deixa tudo bem mais bonito.

Para chegar até lá é necessário fazer uma trilhazinha. Pode-se descer as escadas e também passar por uma gruta, chamada Grieta al Cielo.

Foi um passeio bem legal. Um contato gostoso com a natureza, onde pode-se ouvir e se molhar nas águas.

Aproveitamos bastante e mais tarde voltamos para Baños, para almoçar.

Arrumamos as coisas, porque no dia seguinte partiríamos. Não fomos no mesmo dia, porque não recomendam o trecho à noite. Além disso, ninguém merece chegar em cidade grande no escuro.

Andamos mais um pouco, escrevi bastante e dormimos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s