Golpe de taxistas em Buenos Aires

Gente querendo se dar bem a custa de outras pessoas não é exclusivo de uma nacionalidade. Seja onde for você sempre vai encontrar espertinhos querendo levar vantagem.

Em Buenos Aires eu cai em um dos golpes de taxistas.

Golpes aplicados por taxistas em Buenos Aires

Casa Rosada – Buenos Aires

O erro

Era 2011, minha lua de mel, a primeira vez que saia da minha cidade. Me informei pouco sobre Buenos Aires, porque meu destino era Bariloche. Eu tinha nas mãos o endereço de um hostel – que nem me lembro onde era, mas não havia feito reserva nem nada, porque na região haviam vários e eu só passaria uma noite na capital portenha.

A história

Pegamos, meu recém-marido e eu, um táxi na porta do aeroporto. Dissemos para onde iríamos e o taxista – super simpático – nos disse que aquela era uma região muito perigosa, onde havia assaltos a turistas, etc.

Em portunhol nos disse que a região que havíamos escolhido era bem perigosa e que a central era melhor. Nos perguntou em qual moeda pagaríamos e respondemos que em reais ou em pesos argentinos.

Pronto a “ajudar”, o taxista disse que iria procurar um hotel que aceitasse essa forma de pagamento, porque a maioria por ali trabalhava com dólares. Nós dois viajando pela primeira vez na vida, sem experiência, ficamos agradecidos.

Paramos em frente ao Imperial Park Hotel. Ele desceu para “verificar” e voltou dizendo que sim, que poderíamos ficar ali e que a diária era USD100, mas que o cambio lá era bom. Desembarcamos felizes e sem fazer muita conta.

AirBnB - Ganhe R$100 na sua primeira hospedagem em Buenos Aires

Ganhe R$100 na sua primeira reserva e ajude a rentabilizar o blog

Isso nos saiu R$300 pela noite.  Mas não nos demos conta de que à época o dólar estava cerca de R$1,6. Não nos demos conta que estávamos hospedados na principal avenida de Buenos Aires – a 9 de Julio. Não nos demos conta de que a diária no hostel que havíamos pesquisado seria 1/3 disso. Não nos demos conta de que a diária em Bariloche seria metade desse valor. E só me dei conta de que havia caído num golpe depois de uns meses que voltamos, ao ler um post na internet.

O golpe

Buenos Aires mês a mês para você programar sua viagem

Alguns taxistas têm acordos com hotéis, bares, restaurantes de Buenos Aires e ganham uma comissão por clientes que levam. Para isso eles enganam os turistas falando mal do estabelecimento/região escolhido e oferece uma solução.

Quando o cara entrou no Imperial Park para “verificar” na verdade ele estava fechando acordo por nós dois, pela nossa hospedagem.

O post do blog Mala Pronta com os 5 golpes de taxistas pode ser visto aqui. Mas para um casal de primeira viagem – literalmente – até que nos saímos bem, caindo apenas em um golpe!

Bem, aprendi a lição, tanto que a última vez que estive em Buenos Aires andei de ônibus – essa aventura eu conto aqui.


Viaje com descontos e vantagens

Compre e reserve pelos links do blog

Anúncios

Um comentário sobre “Golpe de taxistas em Buenos Aires

  1. Pingback: 17 Dicas de viagem | Uma Sul Americana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s