Está seguro viajar pela Colômbia

Viajar pela Colômbia é seguro?

Voltei há pouco de uma viagem (linda) pela América do Sul. Alguns dos países pelos quais passei causam mais curiosidade nas pessoas, que jorram perguntas a respeito. Quando digo que passei pela Colômbia a pergunta é: não é perigoso?

Se você também tem essa dúvida, leia essa resposta e saiba se a Colômbia é ou não um país seguro.

Catedral de Bogotá ou Catedral Primada, Praça Bolívar
Catedral de Bogotá ou Catedral Primada

Quando se fala ‘Colômbia’ a primeira coisa que vem na cabeça da maioria das pessoas é ‘cocaína’.

O que sabemos do país é sobre o narcotráfico, sobre as FARC e sobre a Shakira. Ponto! Mas a Colômbia é linda e não é mais aquela Babilônia dos anos 80.

Entre as poucas cidades que conheci, percorri a Colômbia de sul a norte. Entrei, a partir do Equador, por Ipiales, passei por Bogotá e cheguei a Santa Marta, no Caribe.

Percorri tudo de ônibus e peguei muita estrada. Me senti super segura!

Para combater as FARC o governo tem investido fortemente com policiamento nas estradas e ruas do país.

De Ipiales até Cali, em 10 horas de viagem, fomos parados umas cinco vezes por soldados do exército.

Soldados nas estradas – imagem de www.ejercito.mil.co/

Os Soldados entram nos ônibus e pedem o documento de todos. Estávamos apresentando os RGs, porque os passaportes estavam mais seguros (segundo pensamos) na mochila, mas um dos soldados nos fez pegar lá dentro para verificar o visto. Um outro soldado levou consigo, não sei aonde, os documentos de todos os colombianos e depois de uns minutos os trouxe de volta. Sempre com muita educação e simpatia, nada que nos faça se sentir no meio de uma guerra.

Em Bogotá havia soldados da Polícia e do Exército nas ruas, próximos às estações do Transmilênio (corredor de ônibus) e nos fazia nos sentir seguros. Os colombianos são um povo muito simpático e estão sempre dispostos a ajudar, mas é muito mais seguro perguntar aos oficiais.

Claro que não é o paraíso, afinal onde está o ser humano também estão os problemas sociais. Se até na Suíça já li sobre roubos, imagina na Colômbia.

Caribe colombiano acessível - Santa Marta, Taganga e Tayrona
Praias de Santa Marta, caribe colombiano

Na região do Caribe nos deparamos com mais estilos malandros, que pedem dinheiro claramente por causa de drogas e te ameaçam ao dizer: “estou pedindo para não roubar”, mas isso a gente tirou de letra, porque moramos em São Paulo.

Estávamos sempre atentos com as nossas coisas, nos hospedamos na rua do batalhão da PM local e nunca levávamos coisas de valor, como câmera, quando saíamos a noite. A prudência que tomamos em casa.

De forma geral, não me senti tão segura em nenhum outro país pelo qual passei.

Conclusão: a Colômbia possui inúmeras belezas e está super segura para quem pretende viajar para lá. Pode ir sem medo, apenas estando sempre atento e usando a intuição sempre, como em qualquer parte do mundo.

  • Isabel (21 de janeiro de 2016)

    Bom saber disso Aline! mas fico preocupada se eu for sozinha…..em um outro post vc falou a respeito do assédio dos homens (em vários lugares, não só neste país) mas mesmo assim tenho muita vontade de conhecer a Colombia…

    • Aline Rodrigues (21 de janeiro de 2016)

      O assédio tá em toda parte. Infelizmente é a cultura machista. Mas é muito seguro e nos deparamos com muitas mulheres viajando sozinhas, inclusive pela Colômbia.
      O bom de ser mochileiro é poder andar em bandos, mesmo que ninguém se conheça. Vá na fé, Isabel!

LEAVE YOUR COMMENT

Your email address will not be published.

You Might Also Like

Here you can find the related articles with the post you have recently read.