Chacaltaya e Valle de la Luna – como são os passeios

Quando você estiver em La Paz vai perceber que ali não é uma cidade grande qualquer. Tem sítio arqueológico, tem montanhas, tem formações rochosas e muito mais.

Eu fiz o Chacaltaya + Valle de la Luna (que não tem nada a ver com o Valle de la Luna no Atacama). Vou contar nesse post como foi e quanto custou fazer o passeio por agência.

Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios

>>> 10 coisas que você precisa saber antes de ir para a Bolívia <<<

Como fazer

Os passeios podem ser feitos separadamente por conta ou por agência.

Se você quiser fazer por conta, o Chacaltaya é feito com táxi, porque é bem distante da cidade. E o Valle de la Luna pode ser feito de táxi ou ônibus.

Não me lembro exatamente quando me disseram que daria, mas lembro que não valeria tanto a pena.

Fazer os dois passeios separadamente também sai mais caro se for com agência. Cada um deles dura meio dia.

Como é o passeio

No dia do passeio a van/micro-ônibus da empresa passou na nosso hostel, o Pirwa. Fomos os últimos, porque seguiríamos para o Chacaltaya primeiro.

São cerca de duas horas de distância. O caminho tem bastante subida, afinal o Chacaltaya está a mais de 5300 metros acima do nível do mar. O caminho é bem bonito.

Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios

No caminho mascamos coca e bebemos bastante água, para prevenir o soroche – mal de altitude.

Nosso motorista parou por cerca de 10 minutos para que pudéssemos fotografar o Chacaltaya e o Huayna Potosí. Depois disso seguimos subindo.

Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios

A van sobe até cerca de 5200 metros. A partir daí é com a gente. São menos de 200 metros, mas por causa da altura isso parece uma eternidade.

E pode esquecer seu preparo físico de academia. Isso não conta aqui.

Muita gente não consegue alcançar o cume e eu quase fui uma delas. A cada 2 minutos eu tinha taquicardia e tinha que me recuperar descansando por 10 minutos. Teve uma hora que eu me cansei de me cansar e disse para o Rodrigo seguir sozinho, porque eu não podia mais.

Ganhe 5% de desconto pelo blog. Basta usar o código SULAMERICANA5. Ajude a rentabilizar o blog! Clique para simular seu seguro.
Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios
Eu chorando largada sem coragem de continuar

Ele pegou a câmera e foi! De vez em quando eu olhava para trás e ele parecia muito próximo. O Rodrigo também estava parando para descansar. Na verdade, quase todos que subiram, pararam várias vezes para tomar folego.

Daí eu pensei: não sei quando estarei aqui de novo e quando terei outra oportunidade. Falta pouco e eu vou tentar subir.

Fui avançando devagar, no mesmo esquema 2×10. Em alguns minutos eu estava lá, no cume do Chacaltaya. Foi incrível! A vista de lá é linda e ter conseguido me encheu de orgulho!

Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios

Não faziam nem 5 minutos que eu havia chegado quando o guia nos chamou para descer. Poxa vida! Cheguei agora!

De volta para o carro seguimos de volta para a cidade, mas íamos ao Valle de la Luna, que entes se chamava Valle de los Espíritos.

Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios

Na descida do Chacaltaya fizemos amizade com um casal brasiliense, a Débora e o Diego, e fizemos a trilha do Valle com eles.

Essa trilha também é bem cansativa. Sobe, desce. Sobe, desce. E o calor? De matar! Não é tão alto quanto o anterior, mas tudo por ali está em uma altura propícia para te deixar acabado ao mínimo esforço.

AirBnB - Ganhe R$100 na sua primeira hospedagem
Ganhe R$100 na sua primeira hospedagem e ajude a rentabilizar o blog

Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios Chalcataya e Valle de la Luna – como são os passeios

Depois de mais ou menos 40 minutos voltamos para a van e seguimos para o centro. Todos desembarcaram perto da igreja São Francisco.

Quanto custa e onde comprar

Os passeios são todos os mesmos. Você compra em uma agência e ela te coloca em um carro secundário. Acaba que vai no mesmo passeio pessoas que compraram em diferentes agências.

Minha dica aqui é: procure a mais barata. Nós pagamos Bs70 por pessoa na agência que oferecia o menor preços à época (fomos no início de outubro/2015).

Nas ruas Sarganaga e Llampu há várias agências de viagens. Cote e peça desconto, especialmente se estiver em grupo.

Dicas

  • Cuide da sua saúde e não brinque com a altitude, porque tem quem morra por causa do soroche. Veja aqui como se prevenir.
  • Tenha bastante água.
  • Se tiver uma calça-bermuda, melhor, porque no Chacaltaya faz frio, mas no Valle de la Luna faz bastante calor.
  • Protetor solar sempre!
  • Leve alguma coisa para comer

    Compartilhe esta imagem no Pinterest e leia mais tarde. Siga minhas pastas de viagem e se inspire!

Chacaltaya e Valle de la Luna na Bolívia - como chegar e como são os passeios

LEAVE YOUR COMMENT

Your email address will not be published.

You Might Also Like

Here you can find the related articles with the post you have recently read.